Coluna

DOIS MAURICIOS

Rio de Janeiro - Lendo, “Mauricio - a história que não está no gibi”, a autobiografia do cartunista Mauricio de Sousa, o que mais me chocou foi o conselho dado pelo chefe de arte do jornal “Folha da Manhã” - depois, “Folha de São Paulo - ao menino Mauricio quando este, no início da carreira, o procurou para mostrar seus desenhos: “Desista, menino. Desenho não dá dinheiro nem futuro para ninguém. Vá fazer outra  coisa da vida.”

O menino não desistiu. 

Divulgação

Hoje, mais de 80 anos depois, realizado e dono de um império de histórias em quadrinhos que vende mais de 2,5 milhões de livros por ano, Mauricio de Sousa lança “Crie de manhã, administre à tarde - Os segredos empresariais por trás do gênio” (Maquinaria Editorial, 267 págs.). O livro - escrito em parceria com Renata Sturm e Guther Faggion - conta as lutas, as derrotas e a história de sucesso por trás do gênio dos quadrinhos nacionais.

“Crie de manhã, administre à tarde”, por sinal, foi outro conselho que o menino Mauricio ouviu. Desta vez, de seu pai, Antônio Mauricio de Sousa, um humilde barbeiro e poeta bissexto da cidade de Mogi das Cruzes, município localizado na Região Metropolitana de São Paulo.

Este, o menino seguiu à risca. E foi de risco em risco, rabisco em rabisco, que o menino chegou até aqui. 

O cartunista Mauricio de Sousa é conhecido no mundo todo. Já o Mauricio de Sousa, empreendedor, poucos conhecem. Este livro é uma ótima oportunidade para conhecer o homem por trás do gênio. A trajetória do menino sonhador que virou um grande empresário do ramo de entretenimento atingindo as marcas de 2 milhões de revistas em quadrinhos vendidas por mês; 3,6 milhões de visualizações por dia no YouTube e 19,1 milhões de inscritos.

É um livro indispensável para quem quer enfrentar o desafio de empreender para realizar seu sonho. Nos gibis ou fora deles. As lições do cartunista, neste livro, servirão de guia para empresários e empreendedores de todos os ramos. Uma delas:  “Empreender começa com uma ideia, mas o sucesso de uma empresa é alcançado com uma série de atitudes e valores. Todos nós precisamos de um mínimo de planejamento na vida para conseguirmos realizar nossos sonhos.”

O Mauricio criativo, o gênio brasileiro comparado a Stan Lee, Will Eisner, Charles M. Schulz e, claro, Walt Disney; que ganhou o Yellow Kid , o  “Oscar” das histórias em quadrinhos, em uma premiação na Itália, ofuscou o Mauricio empreendedor.  

O empresário, tímido e discreto, criou um império a partir de um sonho despertado por um gibi - da série “O Guri” -, que o menino encontrou no lixo, quando tinha apenas 5 anos.

Por meio de entrevistas com Renata Sturm e Guther Faggion, os bastidores do império do Mauricio, empreendedor, criativo e criador da MSP - Mauricio de Sousa Produções, são trazidos à tona neste livro.

“Não chamaria este livro de apenas ‘um livro sobre negócios’, mas de um livro sobre sonhos. O negócio em si vem depois, quando o sonho se realiza. A primeira motivação é termos um livro sobre um empresário da indústria criativa que funcionou no Brasil. Até porque a concorrência internacional é grande e os brasileiros precisam trabalhar em dobro para alcançar o sucesso deles. Também para mostrar que uma empresa não é somente números ou ganhos monetários mas, acima de tudo, o prazer de estar contribuindo com a evolução do país e das pessoas”, diz Mauricio. 

O empresário por trás do gênio, soube transformar seus personagens e as histórias em marca de sucesso, expandindo seus negócios para além dos gibis, diversificando-se em animação, filmes, livros, programas de TV, produtos licenciados, shows e parques temáticos.

Mesmo com diversos obstáculos, Mauricio pôde unir a paixão pelo desenho e o empreendedorismo, construindo a MSP, uma empresa que é um orgulho para todos os brasileiros. Milhares de brasileiros que aprenderam a ler e escrever com as histórias  da Turma da Mônica, desenhadas por Mauricio de Sousa, agora terão a oportunidade de aprender  a empreender com o empresário de maior sucesso no ramo das histórias em quadrinhos. 

Neste livro, Mauricio de Sousa relata sua jornada, dificuldades e sucessos como empreendedor, e como o equilíbrio entre seu gênio criativo e habilidade nos negócios o tornou parte de um legado na cultura brasileira. 

Hoje, aos 87 anos, e mesmo tendo alcançado sucesso e reconhecimento nacional e internacional, Mauricio continua ativo e otimista quanto ao futuro dos quadrinhos nacional: “Eu sou diabolicamente otimista”, diz. 

Ediel Ribeiro (RJ)

647 Posts

Coluna do Ediel

Ediel Ribeiro é carioca. Jornalista, cartunista e escritor. Co-autor (junto com Sheila Ferreira) do romance "Sonhos são Azuis". É colunista dos jornais O Dia (RJ) e O Folha de Minas (MG). Autor da tira de humor ácido "Patty & Fatty" publicadas nos jornais "Expresso" (RJ) e "O Municipal" (RJ) e Editor dos jornais de humor "Cartoon" e "Hic!". O autor mora atualmente no Rio de Janeiro, entre um bar e outro.

Comentários