Coluna

O BOM DO MAU HUMOR - VI

Rio de Janeiro - Adoro frases. A frase é a poesia sintética. 

Durante anos reuni frases, textos e citações onde reflito sobre tudo - às vezes crÍtico, às vezes cáustico - sem nenhuma condescendência e com fortes doses de bom humor.

São mais de oitocentas frases postadas no site Pensador pensador.com/colecao/ediel

E como sei que você - leitor - não vai lá. É longe, eu sei. Resolvi publicar aqui, à guisa de crônica.

ilustração de mulher
arte - Ediel

“A inveja é um sentimento sem proveito.”

“Os valores morais são a nossa maior riqueza. É uma pena que não aceitem em supermercados.”

“Cupido é um anjo estrábico e sem o menor senso de direção. Mira na pessoa certa e, frequentemente, acerta na errada.”

“Conheci lugares lindos. Os mais bonitos foram os que estávamos juntos.”

“O amor é um sentimento inacabado.”

“Tem dias que a saudade é tão grande, que até a solidão é boa companhia.”

“Normalmente, quem se diz normal, mente.”

“Ler é prender-se dentro da palavra.”

“A normalidade é subjetiva. Meu normal não é o seu normal. Somos normalmente diferentes.”

“Quando o sol se põe, a saudade se expõe.”

“A derrota nunca é permanente. A menos que você a aceite como tal.”

“Quanto mais você se afasta do problema, menor ele parece ser - e é.”

“O som do vizinho é sempre mais alto.”

“Ler é descobrir a vida sem pressa. Entre folhas, letras, cores e cheiros.”

“Quero ter tempo para perder tempo com você.”

“Escrever ‘te amo’ só é errado quando não se ama.”

“O bêbado não precisa de justificativa para beber. Às vezes, precisa justificar a ressaca.”

“O jornalismo e a literatura sempre frequentaram os piores botecos.”

“Na vida, você sempre vai errar. Se não errar, tem algo errado.”

“A favor não é humor, é amor. O humor surge do contraditório, da indignação, da decepção.”

“A cegueira também é isto; viver num mundo sem livros.”

“As pessoas deveriam doar seus livros antes de morrerem. Se uma pessoa, ao morrer, leva junto uma biblioteca, morre mais que uma pessoa.”

Ediel Ribeiro (RJ)

662 Posts

Coluna do Ediel

Ediel Ribeiro é carioca. Jornalista, cartunista e escritor. Co-autor (junto com Sheila Ferreira) do romance "Sonhos são Azuis". É colunista dos jornais O Dia (RJ) e O Folha de Minas (MG). Autor da tira de humor ácido "Patty & Fatty" publicadas nos jornais "Expresso" (RJ) e "O Municipal" (RJ) e Editor dos jornais de humor "Cartoon" e "Hic!". O autor mora atualmente no Rio de Janeiro, entre um bar e outro.

Comentários