20,Sep
Política

PSDB rejeita pedido de expulsão de Aécio Neves

deputado aécio neves do psdb-mg
O deputado Aécio Neves (PSDB-MG) (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

Após uma reunião de aproximadamente cinco horas nesta quarta-feira (21), a executiva nacional do PSDB decidiu rejeitar o pedido de expulsão do deputado Aécio Neves (PSDB-MG). Durante a reunião, o deputado Celso Sabino (PSDB-PA) apresentou seu parecer contra a representação feita pelos diretórios municipal e estadual do partido em São Paulo. Ele considerou que não havia motivos para a expulsão do deputado. "Deputado não tem nenhuma condenação (...) Partido não tem motivos para fazer a expulsão", disse.

De acordo com o que informou o partido, participaram da reunião 35 membros da executiva nacional. Foram 30 votos a favor do parecer do deputado Celso Sabino, que pedia o arquivamento das representações contra Aécio. O deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, o tesoureiro do partido César Gontijo e o secretário de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido votaram pela abertura do processo de expulsão de Aécio, enquanto o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP) se absteve.

Um dos principais defensores da expulsão de Aécio, o governador de São Paulo, João Dória, afirmou através do twitter que o partido escolheu o lado errado. "PSDB ESCOLHEU O LADO ERRADO. Lamento a decisão da maioria dos membros da executiva do PSDB que votou a favor da manutenção de Aécio na legenda. Respeito a votação, mas ela não reflete o sentimento da opinião pública brasileira." 

"Cada membro da executiva deve responder por sua posição. A minha é clara: Aécio Neves deve se afastar do PSDB e fazer sua defesa fora do partido. O derrotado, nesse caso, não foi quem defendeu o afastamento de Aécio. Quem perdeu foi o Brasil", escreveu.

Aécio Neves é alvo de ao menos oito inquéritos, abertos após delações da Odebrecht, da JBS e do ex-senador petista Delcídio do Amaral. Ele também é réu ainda não julgado, sob acusação de corrupção passiva e obstrução da Justiça. 

Comentários