15,Jul
Coluna

CASA DE BÊBADO NÃO TEM BATENTE

Rio - Chegamos, eu e minha mulher, Irene, com duas horas de atraso em Pedra de Guaratiba, bairro carioca com ares de povoado de pescadores, na Zona Oeste do Rio.

Fomos entrevistar Elson do Forrogode - cantor, compositor e boêmio - para o "Jornal do Rádio", um tabloíde especializado em música que eu editava. 

Nosso entrevistado nos esperava no Rei da Empada, um buteco às margens da Baia de Sepetiba. 

Comemos, ali, as melhores empadas de camarão do Rio de Janeiro. Tomamos algumas cervejas e fomos para o Bar Budo, outro buteco, não menos famoso da região. 

Fomos recebidos pelo dono, um senhor de cabelos grisalho e barbudo, como sugere o nome do buteco. O Barbudo foi extremamente simpático. 

Elson do Forrogode. (Divulgação)

Tinha de tudo lá. Principalmente, peixe e cerveja gelada. Tomamos mais uma meia-dúzia e fomos pra casa do Elson, que ficava ali perto, onde rolou o papo sobre bebidas, mulheres, música e, claro, o disco novo que ele acabara de lançar, pela RGE.  

Uma das músicas do disco, "Haja Coração" ( Elson do Forrogode, Naval e Anselmo Mazzoni), foi tema da Copa de 94.  

A casa é grande e arejada. No canto, uma piscina rodeada pelo verde. Elson nos conta que quando comprou a casa, chamou o pedreiro e ordenou: tira esse batente daí. Casa de bêbado não tem batente. 

Nos fundos, ele mandou instalar três banheiros. "Um pra homem, um pra mulher e outro pra vomitar." - disse, sorrindo. 

Casa de bêbado tem isso. 

Enquanto nós bebíamos, minha mulher e a mulher do Elson foram para a piscina. A Irene usava um aplique (aquela coisa horrível que mulher usa no cabelo, e acha o máximo). O troço começou a soltar cabelo dentro da piscina.  

Parecia que tinham dado banho num urso dentro da piscina.
 
Como bom malandro, Elson levou na boa.  


*Ediel Ribeiro é jornalista e escritor

Ediel Ribeiro (RJ)

82 Posts

Coluna do Ediel

Ediel Ribeiro é carioca. Jornalista, cartunista e escritor. Co-autor (junto com Sheila Ferreira) do romance "Sonhos são Azuis". É colunista dos jornais O Dia (RJ) e O Folha de Minas (MG). Autor da tira de humor ácido "Patty & Fatty" publicadas nos jornais "Expresso" (RJ) e "O Municipal" (RJ) e Editor dos jornais de humor "Cartoon" e "Hic!". O autor mora atualmente no Rio de Janeiro, entre um bar e outro.

Comentários