Coluna

CARIOCA DA GEMA - II

Rio - Alguém - por acaso, eu mesmo - disse certa vez que ‘quem nunca leu O Pasquim não pode ser considerado carioca’. Não gosto muito de concordar comigo, mas, desta vez, estou certo.

Mas tem, também, muitas outras formas de mensurar se você é mesmo carioca da gema. Ou não. 

Uma delas, encontrei na crônica ‘Teste sua Carioquice', do colunista Joaquim Ferreira dos Santos, no ‘Segundo Caderno’ do jornal ‘O Globo’, em 2011.

Achei tão criativo, que atualizei e resolvi publicar aqui. Com licença do Joaquim.

1.Você foi sequestrado e está encapuzado no chão do carro. Para onde estão indo os bandidos, Baixada ou Ilha do Governador, se primeiro você passou pelo cheiro de sabão de coco e agora já cruzou o cheiro de cortume? - Baixada

2. Bateu o sudoeste, vai dar praia? - Não. Frente fria

3. Louras ou loiras? - Louras. A outra é paulista

4. "Ah, se eu pudesse arfar nos braços argentinos de Angelita." O que era isso? - Nome de uma butique dos anos 70 em Ipanema

5. Quem criou o ‘Diploma do Sofredor’, no jornal O Globo? - O cartunista Otélo Caçador 

6. Se Carlinhos de Oliveira retratou Ipanema e João do Rio, os arredores da Rua do Ouvidor, Antonio Maria foi o cronista de que bairro? - Copacabana dos anos 50 

7. Ela era uma uva: Violeta Ferraz ou Rose Rondelli? - Rose Rondelli. Violeta Ferraz era um canhão

8. Onde ficavam as Dunas da Gal? - Entre Farme de Amoedo e Teixeira de Melo

9. E as Dunas do Barato? - Era a mesma coisa

10. Pitanguy esculpiu os seios da Cardinale, Dodsworth fez a Presidente Vargas e Niemeyer inventou o Sambódromo. Didi criou o quê? - O chute folha seca

11. Você viu o Cabeção por aí? - Pergunte aos Golden Boys

12. O que a Sonia Braga usava nos pés na Discoteca Dancing Days? - Meia de lurex

13. Quem veio primeiro, o biquíni asa-delta ou a tanga? - A tanga

14. Qual a última cor do "Música na passarela", na Rádio Tamoio? - Ciclâmen

15. Que time tinha o mando de campo no Alçapão da Rua Bariri? - Olaria

16. Nome de jornal de humor lançado no final dos anos 80, onde publicavam ‘os órfão do Pasquim’? - Cartoon

17. Quem disse que cariocas são bacanas, não gostam de sinal fechado? - A gaúcha Adriana Calcanhotto

18. Em que ladeira da Lagoa o tenente Alberto Jorge Franco Bandeira matou o bancário Afrânio Arsênio Lemos com ciúmes de Marina de Andrade Costa? - Sacopã

19. "Oi zum zum zum zum, está faltando um", cantava Dalva de Oliveira a marchinha triste. Faltava quem? - O comandante Edu, líder da Turma dos Cafajestes, morto num acidente

20. Em que rua de Copacabana os capangas do anjo negro meteram bala no corvo? - Tonelero

21. Quem se escondia sob esses apelidos? - O anjo negro era Gregório Fortunato, capanga de Getúlio Vargas e que tinha seus capangas também. Corvo era o jornalista Carlos Lacerda 

22. Que cartunista desenhou ‘O Corvo’ que virou apelido do Carlos Lacerda? - Lan

23. Que mosquitinho é esse que entrou no seu olho e arde muito? - Lacerdinha

24. O que tinham em comum a Marivalda, a Neide Aparecida, a Mara Rúbia e a Brigitte Blair? - Eram Certinhas do Lalau

25. Onde ficava o borogodó das moças? - No etéreo, no charme, no indizível, no ar

26. E o it? - No mesmo lugar, um pouco mais embaixo: no jeito de olhar, no clima, no mistério, no suspiro, na vaguitude e arredores

27. O Clóvis Bornay e o Evandro Castro Lima eram? - Eram Hors-concours

28. Que bairro é a V Região Administrativa? - Copacabana

29. Mas cuma é o nome dele? - É Mané Floriano (música de Manezinho Araújo)

30. Sou o mais bonito do Rio, sou o fino que satisfaz, qual o meu nome? - Pedrinho Aguinaga

31. Já fui Sereia do Leme, hoje sou? - Da Bambrini

32. Já fui o Palácio Monroe, hoje sou? - Chafariz

33. Já fui a Cantina Sorrento, hoje sou? - Marius

34. Qual o nome do pintor de murais, cheios de fontes e ninfas, dos botequins do Centro? - Nilton Bravo

35. Qual era a louca que, logo depois de 1808, saía do Paço Imperial para tomar uma água com supostos efeitos terapêuticos no atual Cosme Velho? - Dona Maria, a Louca  

36. Coloque as musas na ordem cronológica: Rose di Primo, Cintia Howlett, Duda Cavalcanti e Monique Evans. - Duda Cavalcanti, Rose di Primo, Monique Evans e Cintia Howlett

37. Quantos quilômetros tem a ciclovia da Lagoa? - 7,5km

38. Mesmo sem terem vindo ao Rio, Ingrid Bergman e Cary Grant aparecem sentados no bar de que praça carioca no filme "Interlúdio", de Hitchcock? - Cinelândia

39. Quem veste hoje o homem de amanhã? - Príncipe

40. Você é angélico, você é diabólico, você é? - Sanduíche do Gordon

41. Qual a composição do hi-fi? - Crush e vodka

42. Qual era a diferença básica, no baleiro do cinema, entre os drops Dulcora e o Life Savers? - O Dulcora era quadrado e o Life Savers, redondo

43. A bonitinha, mas ordinária, de Nelson Rodrigues, morava em que subúrbio? - Vaz Lobo

44. Em que rua fica a delegacia onde o delegado Espinosa, dos policiais de Luiz Alfredo Garcia-Roza, é o titular? - Rua Hilário de Gouvêa

45. Como se faz um travesseiro de areia? - Com os pés

46. Tatuí, se ainda existisse, ia bem com quê? - Com arroz

47. Se na sua casa tem mosquito, barata ou mesmo pulga, eu não vou lá, mas peço licença para mandar quem no meu lugar? - Detefon

48. Como se faz um meia de seda? - Leite moça, pasta de amendoim, licor de cacau e seja o que Deus quiser

49. Qual o tema dos azulejos do Portinari no edifício Gustavo Capanema? - O fundo do mar

50. De quem era o bordão "O relógio maaaaarca"? - Waldir Amaral

51. Quem veio antes: o programa "Balança mas não cai", na Rádio Nacional, ou o cortiço da Rua de Santana? - O programa Balança mais não cai.

52. Quem veio depois: a novela "Selva de pedra", da Globo, ou o conjunto no Leblon? - O conjunto

53. O que as ruas Efigênio Sales, no Cosme Velho, a Dias da Rocha, em Copacabana, e a Xavier Leal e a Renato Tavares, em Ipanema, têm em comum? - São sem saída

54. Quem é o cavaleiro que vem lá de Aruanda? - É Oxóssi em seu cavalo, com seu chapéu de banda

55. Onde o bonde fazia a curva? -  No Bar 20

56. Em que hotel o Frank Sinatra ficou hospedado? - Rio Palace, hoje Sofitel

57. Tá com medo tabaréu? - Tua pipa é de papel, ou, Tua linha é de carretel

58. Qual a melhor tradução para a língua culta de "é bola ou búlica"? - É tudo ou nada  

59. Onde fica o Bolo de Noiva? - Na esquina de Graça Aranha com Almirante Barroso

60. Árvores da Praça Paris? - Amendoeiras

61. Que desinibida personagem de Sérgio Porto morava na Rua Julio Furtado? - A desinibida do Grajaú 

62. Onde se come lentilhas garni na Lapa? - No Bar Brasil

63. Qual o bar da Cinelândia onde Noel Rosa, Braguinha e seus companheiros do grupo Tangarás gostavam de tomar suas batidas? - Bar Tangará

64. Era o monstro do Lago Ness, em plena Lagoa Rodrigo de Freitas? - A estrela da Tomie Othake

65. Vai comer ou quer que embrulhe? - Ela é quem sabe

66. Quem bate? - É o frio

67. Como é que se faz uma sacanagem? - Varia muito. Mas é basicamente palito, pimentão, queijo, salsicha e cenoura crua

68. No século 18, onde se pegava o touro à unha? - Numa praça de touros no Campo de Santana

69. Além do nosso Pão de Açúcar, quais são os cenários, todos estrangeiros, exibidos no pacote do Biscoito Globo? - Torre de Pizza, Torre Eiffel e a Torre de Londres

70. Onde fica o Buraco do Lacerda? - No Jacaré

71. Que delegacia metia medo na bandidagem do subúrbio do Rio, nos anos 60 e 70? - Invernada de Olaria.

72. Cartunista mineiro que criou o urubu, símbolo da torcida do Flamengo - Henfil.

73. Quem disse que ‘gentileza gera gentileza’? - José Datrino, mais conhecido como  ‘profeta Gentileza’.

74. Cartunista ‘carioca’, nascido em Esmeralda - MG? - Nani

75. Quem era a ‘garota de Ipanema’? - Helô Pinheiro.

 

Respostas da crônica anterior

1 - Sanduíche Cervantes

2. - Antonio Rebouças

3. Aos pulos pra frente, aos pulos pra trás, com o Jorge Veiga cantando ao fundo

4. - Prefeitura, na Cidade Nova

5. - Lona

6. - Tonelero

7. - Carlos Goes

8. - Edifício Avenida Central

9. - Galeria Alaska

10.- No estacionamento de um dos prédios entre a São José e a Almirante Barroso

11. - Na esquina de São José com Rio Branco

12. - Villarino

13. - Renascença

14. - No meu anda, no seu atola

15. - Com Haddock Lobo

16. - A Av. Presidente Vargas

17. - 24

18. - Chorinho

19. - Samba de carnaval

20. - Rio-Minho

21. - 84 arcos

22. - Nova Capela

23. - O pão sem o miolo

24. - José Carlos Araújo

25. - Na Glória

26.- As pernas arqueadas e  a Angelita Martinez

27. -  Paulo Francis. 

28. - O restaurante no 42º andar do Edifício Cândido Mendes, no Centro

29. - No Cemitério São João Batista

30. - No Museu Carmen Miranda, no Aterro 

31. - Na arquibancada do Maracanã, Ramalho puxando a torcida do Vasco, e Jaime, a do Flamengo

32. - Rua Buenos Aires

33. - Brahma

34. - Aterro do Flamengo

35. - O Sombra, na antiga Rádio Nacional

36.- Nos muros dos anos 70, grafitado por Carlos Alberto Teixeira

37. - Gamboa

38. - Uma cachaça

39. - Sete (Laje da Cagarra, Cagarra, Filhote da Cagarra, Matias, Praça Onze, Comprida e Palmas)

40. - Flamengo 

41. - Adega Flor de Coimbra

42.- "Vou pra linha de frente" (Manezinho Araújo)

43. - Em torno de 200

44. - Qualquer coisa que tivesse Satanás no meio e que elas fossem cobrir os pecados

45. - Itamaraty

46. - Caju, gin, limão, açúcar e gelo ao gosto

47. - Dê-se ao respeito

48. - General Sizeno Sarmento

49. - Porque o Ficha fechou

50. - Pasteur, no trecho da Policlínica

51. - Morro Azul

52. - Madureira

53. - Amarelo e lilás, as cores do Engov

54. - Nada

55. - Tarso de Castro

56. - (*)

57. - Museu Nacional de Belas Artes

58. - Suicidaram-se num banco de Praça da Glória

59. - Na trave à direita das cabines

60. - Rua Marechal Floriano

61. - Numa primeira versão da música de Wilson Batista, levava um otário, depois o Estado Novo deu um arrocho e virou um operário.

62. - Barca Rio - Niterói

63. - As bolas de gude

64. - Pereira Passos

65. - No trecho em frente à Vinícius de Moraes

66. - Galeria Silvestre

67. - Rhum Creosotado

68. - Com muito alho frito em cima

69. - Na quina da trave do Maracanã

70. Churrscaria T

Ediel Ribeiro (RJ)

662 Posts

Coluna do Ediel

Ediel Ribeiro é carioca. Jornalista, cartunista e escritor. Co-autor (junto com Sheila Ferreira) do romance "Sonhos são Azuis". É colunista dos jornais O Dia (RJ) e O Folha de Minas (MG). Autor da tira de humor ácido "Patty & Fatty" publicadas nos jornais "Expresso" (RJ) e "O Municipal" (RJ) e Editor dos jornais de humor "Cartoon" e "Hic!". O autor mora atualmente no Rio de Janeiro, entre um bar e outro.

Comentários