25,Aug
Cidades

Vereador André Viana propõe CPI para investigar os gastos da Câmara na gestão do ex-diretor

O vereador André Viana (Podemos) disse hoje (6), durante a reunião ordinária da Câmara de Itabira, que é preciso investigar os dois anos e meio de gestão do ex-diretor da Casa, pastor Ailton Francisco de Moraes. 

Pastor Ailton está detido no presídio de Itabira há mais de 30 dias, acusado do crime de rachadinha.

vereador Andre Viana
Vereador André Viana. (Divulgação)

Segundo André Viana, é preciso apurar o que aconteceu durante o ano de 2017, 2018 e os primeiros seis meses do ano de 2019, quando a Câmara estava sob a direção do pastor Ailton. Para isso, ele pediu o apoio dos vereadores e disse que irá bater de gabinete em gabinete coletando assinaturas para abrir uma CPI com o objetivo de investigar os gastos da Câmara neste período. O vereador Reginaldo do Carmo (PTB) foi o primeiro a se manifestar garantindo apoio ao colega.

Pastor Ailton foi indicado para assumir a diretoria da Câmara pelo ex-presidente Neidson Dias de Freitas (PP), no início da atual legislatura, e acabou sendo mantido no cargo pelo atual presidente Heraldo Noronha Rodrigues (PTB), até a sua prisão que ocorreu no dia 2 de julho.

A proposta do vereador André Viana deve receber o apoio de praticamente todos os vereadores. A CPI irá trazer ao conhecimento da sociedade se houve ou não algum desvio de recurso público durante a gestão do Pastor Ailton, além do crime de rachadinha apurado pela Polícia Civil.

Comentários